arte_banner_site_materia_ENJEL

Tema: “O Bem Viver como caminho de integração das dimensões sociopolítica,

econômica, ambiental, espiritual e relacional”.

Trata-se de um encontro ecumênico que envolve participantes de diferentes expressões religiosas. Depois do processo que originou o 1º Encontro de Juventudes e Espiritualidade Libertadora, em 2014, em Fortaleza/CE, os mais diversos Grupos e Movimentos que ali se reuniram, mantiveram uma trajetória de reuniões periódicas e Encontros Regionais. Neste momento, 3 anos após o 1º. Encontro, já é tempo de colheita e novas semeaduras, trocas e aprendizagens mútuas. Portanto, uma peculiaridade deste 2º Encontro será a Coordenação composta por assessores do grupo de Emaús, do CCJ (Centro de Cursos de Capacitação da Juventude) e de lideranças dos Movimentos Juvenis relevantes no contexto latinoamericano, sendo PJ (Pastoral da Juventude Nacional)REJU (Rede Ecumênica de Juventudes)KOINONIA (Presença Ecumênica e Serviço) e MIRE (Mística e Revolução). A primeira reunião presencial foi feita no CCJ, em São Paulo para distribuir as diferentes funções e iniciar o processo de mobilização.

15994453_1388356104548092_2846865085789546957_o

segunda reunião da equipe coordenadora e equipe de infraestrutura foi realizada nos dias 10 a 11 de junho, na Paróquia N. Sra de Lourdes, Poá, São Paulo.O 2º Encontro Nacional de Juventudes e Espiritualidade Libertadora se propõe a ser um grande mar onde convergirão os mais diversos rios de espiritualidade, povo que caminha em busca da libertação. Seguindo a esteira da Teologia da Libertação, esperamos desaguar correntezas de jovens, caudalosos/as de utopia, a fim de partilhar suas vivências de espiritualidade que são também de rebeldia e esperança.
O plano de fundo é a Mística do Bem-viver, proposta de uma sociedade pautada em relações e valores bem diversos do capitalismo que nos genocida a cada dia. Solidariedade, harmonia com a natureza, ética, igualdade de gênero, justiça social, sementes que começaram a ser plantadas e que nos dispomos a radicalizá-las. A expressão Bem-viver (sumak kawsay) tem origem andina, esse paradigma planetário não está distante do que sempre, como subalternizados/as, ousamos viver em nossos territórios de resistência. Correm em nossas veias. Acreditamos que esses rios nos trarão experiências concretas que estamos construindo nos mais diversos espaços de vida.

3-20170610_155245

O site do encontro, a página de Facebook e Instagram já foram lançados e as inscrições estão indo a todo vapor! Para mais informações e para fazer inscrição para o encontro acesse o nosso o site e confira:

https://www.espiritualidadelibertadora.org.br/

Acesse também nosso Facebook e Instagram:

Resultado de imagem para facebook imagem           Resultado de imagem para instagram imagem

#BemViver #SumakKawsay #Juventude #2ºENJEL #EspiritualidadeLibertadora

 

Para conferir todas as fotos clique aqui

 

Access Token not set. You can generate Access Tokens for your Page or Profile on fb.srizon.com. After generating the access token, insert it on the backend